This question has been flagged

Mulher debruçada em uma mesa com muitas contas, sem saber por onde começar


Encontrar-se afogado em dívidas pode ser uma situação desafiadora e avassaladora, especialmente quando se tem uma renda limitada. Neste artigo, compartilharemos um exemplo inspirador de alguém que enfrentou dívidas devido ao uso imprudente do cartão de crédito, com uma renda de aproximadamente R$ 2.550 mensais, e, por meio de esforço e planejamento, conseguiu superar essa situação. Vamos explorar como uma jovem solteira, Maria, que parou de gastar com itens supérfluos, elaborou um plano de ação e conseguiu economizar para construir uma reserva de emergência.


Maria e seus gastos desnecessários​

Maria, uma jovem profissional, ganhava cerca de R$ 2.550 por mês. Ela estava presa em um ciclo de dívidas devido ao uso descontrolado do cartão de crédito, principalmente para comprar itens supérfluos. Ela costumava sair para comer fora frequentemente, comprava itens de impulso nas lojas e não seguia um orçamento. Tinha o pensamento de que era só passar no cartão de crédito, que depois pagava. Isso foi fazendo com que ela entrasse em um buraco cada vez mais fundo, ficando a cada dia mais díficil ver uma luz. O que Maria fez? 

Inicialmente, ela anotou durante 1 mês, tudo que envolvia dinheiro. Compras, contas, cartão de crédito, assinaturas e etc. Depois, separou esses dados em categorias, conforme a tabela abaixo:

Descrição

Custo total

Contas fixas (luz, água, telefone, internet)

Aluguel

Despesas mercado

Comer fora (Happy Hour, pizza etc.)

Compras no cartão de crédito


R$ 400,00

R$ 600,00

R$ 900,00

R$ 600,00

R$ 800,00

TOTAL

R$ 3300,00


Parar de gastar com itens supérfluos

Maria tomou a decisão  mudar. Ela começou a pesquisar sobre educação financeira. Notou que era crucial de parar de gastar com itens que não eram essenciais para sua vida. Isso significava cortar os jantares fora de casa, resistir a compras impulsivas e fazer escolhas mais conscientes sobre seus gastos. Em vez de comer em restaurantes caros, ela começou a cozinhar em casa e a levar marmitas para o trabalho, economizando significativamente. Em vez de sair todo final de semana (4 vezes ao mês) com gastos elevados para comer fora, ela definiu que poderia fazer isso no máximo 2 vezes no mês (a cada 15 dias). A cada ida no mercado, sempre comprava itens que não eram necessários e não eram saudáveis (doces, salgadinhos). 

Além disso, Maria reviu suas assinaturas de serviços e aplicativos que não estava utilizando plenamente e cancelou aqueles que não eram essenciais. Viu que utilizava muito pouco o serviço os serviços de TV por assinatura e optou por cancelar. Ela também foi ao banco e removeu itens desnecessários que estavam sendo cobrados em sua conta corrente. Também definiu um teto máximo de gastos para utilizar nesses dias.

Criar um orçamento detalhado e respeitá-lo​

Maria criou um orçamento detalhado que a ajudou a entender exatamente para onde seu dinheiro estava indo. Ela categorizou seus gastos, priorizou as despesas essenciais e definiu limites rigorosos para os gastos não essenciais.  Seguiu a risc​a o orçamento, e não ficou fazendo exceções. Segue como ficou o orçamento dela:


Descrição

Custo total

Contas fixas (luz, água, telefone, internet)

Aluguel

Despesas mercado

Comer fora (Happy Hour, pizza etc.)

Novas compras no cartão de crédito


R$ 450,00

R$ 600,00

R$ 600,00

R$ 150,00

R$ 0,00

TOTAL

R$ 1800,00


Plano de pagamento de dívidas

Com uma visão clara de suas finanças, Maria elaborou um plano de pagamento para suas dívidas. Ela identificou as dívidas com as taxas de juros mais altas e priorizou o pagamento delas. Além disso, Maria separou aproximadamente 20% de sua renda mensal para pagar suas dívidas (R$ 500,00), garantindo que seu plano de pagamento fosse sustentável. 


Construção da reserva de emergência

Enquanto pagava suas dívidas, Maria começou a economizar uma parte adicional de sua renda, cerca de 10% (R$ 250,00),  para criar uma reserva de emergência . Ela estabeleceu uma meta realista e consistente de economizar uma quantia específica todos os meses. Com o tempo, ela acumulou um valor significativo, que equivalia a três meses de suas despesas mensais, proporcionando-lhe tranquilidade financeira em caso de imprevistos. 


Resultados de Maria​

Ao longo do tempo, Maria conseguiu zerar suas dívidas, graças à sua determinação e ao compromisso com seu plano de pagamento. Não foi fácil! Ela precisou se privar de algumas coisas, mas o resultado foi gratificante. Nesse tempo, viu que era possível se divertir, comer fora e ter bons momentos economizando. Ela construiu uma reserva de emergência sólida, que equivalia a três meses de suas despesas mensais (água, luz, telefone, internet, despesas mercado), proporcionando-lhe tranquilidade financeira em caso de imprevistos.


Conclusão​

A história de Maria é um exemplo inspirador de como é possível zerar dívidas e construir uma reserva de emergência, mesmo com uma renda limitada. Ela conseguiu transformar seus hábitos financeiros, parando de gastar com itens supérfluos, e criou um plano de ação realista que a levou ao sucesso financeiro.

A chave para o sucesso de Maria foi sua determinação em seguir seu plano e sua capacidade de adaptar seu estilo de vida de acordo com suas metas financeiras. Sua jornada demonstra que, independentemente da sua renda, é possível tomar o controle de suas finanças, pagar dívidas e construir uma base sólida para o futuro. Portanto, lembre-se de que com paciência, disciplina e um planejamento cuidadoso, você também pode alcançar a liberdade financeira e recomeçar sua jornada financeira com confiança.

Se desejar ler algo a mais sobre educação financeira, temos aqui no fórum o resumo do livro "O homem mais rico da Babilônia", e também "Os segredos da mente milionária" que trazem grandes ensinamentos para a vida.


Têm alguma dica sobre educação financeira? Já conseguiu sair de dívidas? Deixe nos comentários.
Avatar
Discard

Your Answer

Please try to give a substantial answer. If you wanted to comment on the question or answer, just use the commenting tool. Please remember that you can always revise your answers - no need to answer the same question twice. Also, please don't forget to vote - it really helps to select the best questions and answers!